25.5.09

Rapaz quase tem overdose de drogas psicotrópicas

Gostaria de relatar o ocorrido no CAPS: um rapaz, companheiro paciente psiquiátrico veio assustado me dizer que ele tinha tomado 18 comprimidos do remédio de uma vez. Sem nenhuma indicação médica. Ele estava com medo de passar mal.

Eu perguntei a ele por que ele fez isso. Ele disse "Por nada". E se ele sofresse uma overdose por tomar medicação demais? Por isso eu acho que não dá para negar o perigo da medicação psiquiátrica. Por isso que eu acho que tais drogas só devem ser usadas em emergências, nos hospitais. Uma pessoa em tratamento ambulatorial pode ter uma crise (por mais leve que seja) e tomar medicação demais por vários motivos. Talvez por travessura de quem está em crise. Ou para se suicidar mesmo! E muitas das vezes a crise passa desapercebida.

Por isso eu defendo tratamento próximo. Com o máximo de acompanhamento e o mínimo de drogas. É claro que se a pessoa for acompanhada de perto ficará difícil de haver crise, mesmo sem psicotrópicos. Esses psicotrópicos não controlam ninguém. Se controlassem as pessoas não se matariam tomando medicação psiquiátrica. Não se matariam com overdose de medicação psiquiátrica.

Por isso agora eu estou mais do que empenhado na criação e manutenção de tratamentos com oficinas, atividades, exercícios para nós pacientes psiquiátricos. Tratamento com cursos de informática, como o curso onde sou educador. E já tomei uma decisão: se acabarem com o curso de informática no meu CAPS eu abandono o "tratamento". Vou procurar outras formas de me cuidar.

2 comentários:

  1. temos mais de trintas pessoas curadas de transtorno bipolar sem psicotopicos, com uma vida normal.

    ResponderExcluir
  2. Olá, Pr. Wallace Castro. Sem dúvida a religião faz bem para as pessoas em tratamento. Precisamos aprender a respeitar a religião na vida das pessoas. Essa é uma coisa que a psiquiatria precisa aprender.

    Novas formas de tratamento se fazem necessárias. Pois pessoas estão se matando com psicotrópicos.

    ResponderExcluir

Eu sempre publicarei todo tipo de opinião e ponto de vista. que NÃO INFRINJAM AS LEIS DO MUNDO, nem as leis da Internet.

Não são toleradas ofensas a nenhuma das pessoas que comentam.

Links para blogs e sites que falem de saúde mental são bem vindos, desde que não sejam sites criados para vender psicotrópicos.

As informações dispostas aqui são CONFIRMADAS através de várias fontes. A qualidade obtida aqui não se consegue da noite para o dia, mas sim de uma experiência de VÁRIOS ANOS.

Portanto, se houver algo a ser corrigido aqui, publique nos comentários, mas COM PROVAS, como eu faço.

Algumas pessoas, ao tomar medicações psiquiátricas ou drogas ilícitas, não sofrem efeitos adversos significativos (como vemos algumas pessoas que fumam a vida toda e morrem de velhice.) Portanto verei como normal algumas pessoas dizerem que nunca sentiram nenhum efeito colateral ao tomar determinado psicotrópico.

Mas qualquer indivíduo que escrever algo contra as informações técnicas mostradas aqui deve PROVAR IMEDIATAMENTE na mesma mensagem, do contrário terei que deletar.

Se quiser me contatar pode ser através de um comentário.

This web site is mostly about human rights, health, music and curious videos from Youtube. If you have any of these your contribution is most welcome.

Links to web sites that sell MEDICATION ARE UNWELCOME.

But if your site is interesting and useful just submit the address, WITHOUT ANY EXTRA ELECTRONIC LANGUAGE, such as HTML or the like. Example, http://pacientepsiquiatrico.com is OK, is accepted. But [url="http://pacientepsiquiatrico.com"] would be considered spam, because of the extra electronic language [url. I'll check it out and link to it if I approve it. Thank you