19.11.13

LAUDO MÉDICO DA PSIQUIATRIA

Este texto revelador foi publicado em outro blog, no dia 15 de janeiro de 2009. Quando o contrato com a ONG Comitê Democratização da Informática acabou, pediram um laudo para fazer a minha dispensa, em outras palavras, pediram um laudo para a demissão.

E o laudo abaixo foi escrito por uma psiquiatra que nunca tinha falado comigo nem por cinco minutos. Ela apenas leu o que outros tinham falado sobre mim e colocou no laudo. (Se podemos chamar esse monte de estigma de laudo.


Declaro para fim de apresentação junto a Previdência Social, que Ezequiel de Andrade Coutinho está em tratamento no CAPS Rubens Corrêa desde 24/07/2001. Iniciou sintomatologia psiquiátrica aos 22 anos quando passou a apresentar heteroagressividade, desorganização do comportamento, com hipersexualização, agitação psicomotora e exaltação do humor. Foi internado algumas vezes por conta de reagudizações. Apresentou outros momentos de depressão do humor e hipobulia. Atualmente apresenta humor eutimíco, apesar de certa exaltação quando suas idéias são contrariadas. Em uso de: Risperidona 2 mg/dia. Diagnóstico: F31 pela CID 10.

Pois é... esse é o meu laudo médico, que recebi de minha atual psiquiatra e decidi compartilhar com todo mundo que quiser ver.

Alguns comentários: a parte que diz, "heteroagressividade" mostra a forma que a psiquiatria vê todo paciente que está em desespero. Sempre com essa infeliz ideia de descrever a pessoa como agressiva para com os outros.

A parte que diz "hipersexualização" só vem a provar para mim que eles pouco observam as pessoas. Eu realmente tive hipersexualização quando estava tomando carbonato de lítio, prescrito pelo outro médico. E nenhum médico percebeu isso. Na época da crise minha sexualidade estava perfeitamente normal, mas minha cabeça estava super-confusa, o que me levou a um comportamento sexual ridículo. E agora, tomando Risperidona eu estou com hipossexualização...

Nota: eu grafei as palavras realmente difíceis do laudo. Aproxime o mouse dessas palavras para ver detalhes. Este texto teve 690 acessos no outro blog.

13 comentários:

  1. Olá!
    Fui vitima de negligencia médica!
    Divulguem!

    http://rjsm.no.comunidades.net/

    Cumprimentos
    Ricardo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bom dia! Estou em tratamento psiquiátrico, apresentei ansiedade com depressão e agora estou com estresse agudo, sendo que estou tomando vários medicamentos como: haldol, amplictil entre outros. Ainda não tenho um laudo final de minha médica. os medicamentos citados de fato são para tratar esquizofrenia?
      Obrigado

      Excluir
  2. Ezequiel, o meu irmão também teve um diagnóstico bem parecido com o seu. Hoje ele vive bem mais calmo, mas continua a usar os medicamentos que o medico prescreveu.
    Tenha fé em Jejus Cristo e muito animo.
    Abraços

    ResponderExcluir
  3. Jah ouvi e jah li cada absurdo de erro psiquiátrico que me sinto agraciado por estar melhorando com a medicação que me foi prescrita... espero que se mantenha bem, abraço!

    ResponderExcluir
  4. Anônimo12:04 AM

    Doente psiquiatrico sempre como vitima da sociedade. Essa é a doença! Fica a dica!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. e é mesmo. Leia sobre o aumento das doenças psiquiátricas na sociedade moderna.

      Excluir
  5. Anônimo8:02 PM

    Minha psiquiatra me descascou no laudo, disse até que eu tinha como sintoma descuido da aparência, sendo que parei de dar chapinha no cabelo porque na internação não tinha como fazer isso

    ResponderExcluir
  6. Anônimo12:07 PM

    a psiquiatria são um bando de doentes mentais travestidos de médicos que querem enlouquecer os pacientes; fica a dica.

    ResponderExcluir
  7. Anônimo11:22 AM

    Meu filho tem 7 anos e já tomou risperidona ñ se deu e levei para outro médico... Tenha fé em deus que vc vai conseguir...

    ResponderExcluir
  8. o meu medico e otimo so nao gostei dele ter colocado em meu laudo que tenho transtorno tipo bipolar sendo que eu tenho transtorno bipolar depresao desde criança e depresao apos parto etc...
    e cada erro que o medico comete nos laudos que e so jesus na causa...

    ResponderExcluir
  9. Buscamos ajuda em Deus:
    http://ossegredosdoceu.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  10. Não é fácil, os peritos as vezes enem olha na sua cara!

    ResponderExcluir
  11. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir

Eu sempre publicarei todo tipo de opinião e ponto de vista. que NÃO INFRINJAM AS LEIS DO MUNDO, nem as leis da Internet.

Não são toleradas ofensas a nenhuma das pessoas que comentam.

Links para blogs e sites que falem de saúde mental são bem vindos, desde que não sejam sites criados para vender psicotrópicos.

As informações dispostas aqui são CONFIRMADAS através de várias fontes. A qualidade obtida aqui não se consegue da noite para o dia, mas sim de uma experiência de VÁRIOS ANOS.

Portanto, se houver algo a ser corrigido aqui, publique nos comentários, mas COM PROVAS, como eu faço.

Algumas pessoas, ao tomar medicações psiquiátricas ou drogas ilícitas, não sofrem efeitos adversos significativos (como vemos algumas pessoas que fumam a vida toda e morrem de velhice.) Portanto verei como normal algumas pessoas dizerem que nunca sentiram nenhum efeito colateral ao tomar determinado psicotrópico.

Mas qualquer indivíduo que escrever algo contra as informações técnicas mostradas aqui deve PROVAR IMEDIATAMENTE na mesma mensagem, do contrário terei que deletar.

Se quiser me contatar pode ser através de um comentário.

This web site is mostly about human rights, health, music and curious videos from Youtube. If you have any of these your contribution is most welcome.

Links to web sites that sell MEDICATION ARE UNWELCOME.

But if your site is interesting and useful just submit the address, WITHOUT ANY EXTRA ELECTRONIC LANGUAGE, such as HTML or the like. Example, http://pacientepsiquiatrico.com is OK, is accepted. But [url="http://pacientepsiquiatrico.com"] would be considered spam, because of the extra electronic language [url. I'll check it out and link to it if I approve it. Thank you